Maternidade

Nem de longe te prometo perfeição

Filha, nem de longe posso te prometer perfeição. Ser uma mãe sem erros está totalmente longe do meu alcance. Mas posso te prometer com toda certeza, pedir desculpas e reconhecer meus erros sempre que eu me enganar.

Não posso te prometer perfeição, porque assim como você está se construindo como filha, como criança, eu estou me construindo como mãe. Mas posso te prometer sim, que buscarei, com todos os meus esforços, ser um pouquinho melhor a cada dia.

Não te prometo perfeição, porque a cada dia que você aprende comigo, na verdade eu estou aprendendo muito mais com você. Mas, posso te prometer, do fundo do meu coração, que sempre tentarei fazer o meu melhor.

Estou bem longe da perfeição filha, mas posso te prometer com todo o meu amor, que sempre terá meu melhor sorriso para te encorajar em todos os obstáculos do caminho.

Não te prometo nunca falhar, não nasci pronta, e esse caminho da maternidade é uma eterna construção e desconstrução. Mas buscarei aprender com todas as minhas imperfeições, levando um pouquinho mais de sabedoria para o próximo dia.

Não te prometo ser perfeita, mas não quero nunca que se esqueça que meu colo e meus braços sempre estarão disponíveis pra você, mesmo quando chegar o dia em que não caberá mais neles.

Seria engano te prometer perfeição, sou ainda uma aprendiz nessa jornada, mas posso te garantir que faremos sempre uma ótima dupla nessa jornada.

Filha, não te prometo perfeição, muitas vezes eu vou errar, vou dizer coisas que não queria dizer, serei injusta ou deixarei meus próprios medos abalarem a confiança que tenho que em você, mas, não duvide em nenhuma circunstância que nenhum desses momentos do grande e imenso amor que sinto por você.

Veja também

Sem Comentários

Deixe um comentário