Maternidade e Família

Lista de enxoval sincera: o que a gente compraria para um terceiro filho

Acho lista de enxoval uma coisa muito pessoal. Por mais que a gente pegue dicas e sugestões daqui e dali, cada família tem sua dinâmica e consequentemente suas necessidades. E eu acho que é algo tão pessoal de verdade que acredito a gente só vai aperfeiçoando no outro filho, se houver.

Com a gente foi assim: na Júlia pegamos uma lista totalmente genérica e compramos um monte de coisas que nunca usamos. Na vez da Isadora, nós já tínhamos uma certa experiência, fizemos uns ajustes, não tivemos nem metade das coisas da Juju e adivinhem? Se tivéssemos um terceiro filho, ainda teria muitas adaptações, fomos eliminando mais coisas e acredito que ficaria mais ou menos assim:

Berço simples

E aqui pode ser qualquer modelo mesmo, desde que seja seguro. Aqueles que podem ser acoplados na cama dos pais são geniais, acho que facilitam muito a vida, principalmente a noturna e a amamentação. O bebê pode ser prontamente atendido, dá uma sensação muito grande de segurança, a gente pode acompanhar tudo que está acontecendo ali do nosso ladinho e ainda ter mais momentos de descanso.

Além disso, as recomendações atuais da Associação Americana de Pediatria são favoráveis ao hábito do co-sleeping, pois o risco de morte súbita entre os recém-nascidos seria 50% menor.

Também temos um post, meio antiguinho, mas que conta a nossa experiência com a cama compartilhada aqui em casa.

Sling

Item de primeira necessidade, não sei mais o que faria com um bebê sem um sling, mas acho que dessa vez procuraria um wrap com o tecido mais firme, usamos muito este modelo, mas chegou uma hora que o tecido cedia bastante e não ficou mais confortável.

Dos outros modelos, o pouch e o cnaguru, com certeza repetiríamos a dose. Também tenho um post que falo dos modelos de sling e no canal do YouTube que também falo de maternidade tem vários vídeos sobre o assunto.

Carrinho fácil de fechar e leve de carregar

Está aí um dos erros que repetimos nas duas vezes, comprar um carrinho grande e pesado demais. Acho que carrinhos são úteis e muito em diversas situações. Apesar do sling ser extremamente versátil, muitas vezes um carrinho era muito útil para nós, mas na nossa realidade algo que fosse mais leve, fácil de abrir/fechar e carregar.

Banheira inflável

Eu não conhecia esses modelos de banheiras infláveis, vi recentemente em um evento numa loja e fiquei apaixonada. Eu não testei, e como disse, esta é uma lista fictícia que eu faria rs… com as duas meninas usamos aquela banheira com trocador da Burigotto e são excelentes, o trocador dá para tirar e colocar em outro lugar e não muito práticas. O único problema é que ocupa um espaço considerável e usamos por pouco tempo no suporte. Na Isadora por exemplo, alguns banhos era no chuveiro e outros no balde, então, acredito que uma inflável em local seguro e confortável faria o mesmo efeito.

Ofurô ou balde de banho

Outro item que usamos demais na Isadora e foi muito bom, portanto repetiríamos a dose. Os banhos de balde sempre a acalmaram muito e dávamos como parte da rotina da noite (intercalávamos com banhos no chuveiro) ou quando estava muito quente. Ela usou até grandinha e valeu muito a pena. Há muitas marcas no mercado e você encontra de R$40 até R$400 ou mais, dependendo da marca, do tamanho e etc.

Móveis

Não acho ruim comprar os infantis, acho até que são mais seguros já que foram feitos para ambientes infantis, mas não são itens de primeira necessidade, até porque, com dois filhos, a gente só precisaria arrumar um espaço no armário já existente.

Acessórios

Acho que esse foi um dos nossos maiores erros, comprar muitos acessórios antes da hora que não tiveram muita utilidade prática para nós. Minha dica aqui é, vá devagar, tem muita coisa no mercado, muita coisa bacana mesmo, mas que não é útil para todo mundo.

Se fosse fazer novamente uma listinha de enxoval na vida, com certeza faria uma lista de todos as coisas legais que vejo por aí, mas só compraria na hora da necessidade.

Roupas

Está aí um item que super acertamos com a Isadora, investimos em peças de roupas confortáveis (body é vida gente) de boa qualidade e algumas poucas peças para “sair”. Bebês crescem muito rápido e muita coisa sem nem chegarmos a usar, então compraria o básico e iria complementando de acordo com a necessidade.

Outros itens

Panos, muitos panos, meias, almofada de amamentação (aqui recomendo a Meu Nani, tem um vídeo no canal falando sobre ela), itens de segurança como cadeirinha para carro, são imprescindíveis, claro.

E claro que quero saber, se você tivesse mais um filho, o que colocaria na lista de enxoval?

Veja também

Sem Comentários

Deixe um comentário