Para inspirar

Irrevogável

E eu soube, no momento em que peguei aquele teste positivo nas mãos que o que me esperava era uma tarefa perpétua e ininterrupta. Era irrevogável.

Eu senti que, a partir daquele momento, independente de qualquer coisa, não haveria um só dia que não pensaria nelas que não desejaria protegê-las com todo o meu corpo e nem que fizesse a elas uma prece com todo o meu coração.

Senti na alma que, perto ou longe, pequenas ou grandes, agora ou construindo seu próprio caminho, eu sempre estaria com elas de alguma maneira. Isso era inegociável.

Afinal uma vez que se é mãe, pelo tempo que for, da forma que for, acredite em mim, se é do momento em que se descobre até a eternidade. Isso é irrefutável.

Veja também

Sem Comentários

Deixe um comentário